• Quarta-Feira, 19 de Dezembro de 2018
  • Porto Feliz - Bom dia

NÓS QUE DEVEMOS MUDAR

Videos_01

NÓS QUE DEVEMOS MUDAR

Que 2018 seja melhor”... essa, entre outras frases-clichês que fingem emanar boas energias, demonstra como nós podemos ser acomodados.
A cada semana, mês ou ano que se passa, desejamos que o próximo seja melhor, imaginando que boas oportunidades surgirão, ou que nos acontecerá algo estupendo, superando o período fracassado.
Entretanto, tem outro clichê, que diferente do primeiro citado, não finge nada. Na verdade exige um pouco mais de reflexão, caso contrário irá parecer uma frase vazia qualquer. 
“O futuro a gente faz agora”. Genérico demais? Pense bem. Não é. 
Ao querermos que este ano que se inicia seja diferente, que coisas boas aconteçam. Que surjam oportunidades na área profissional, pessoal ou simplesmente que ocorram mudanças, mas o que estamos fazendo para que isso se torne real?
Ação e reação. Einstein já dizia “Loucura é querer resultados diferentes fazendo tudo exatamente igual”. 
Logo, notamos que pretendemos mudanças, contudo não movemos um músculo para que elas ocorram. 
Será que já não está na hora de nos mexermos, arriscar e tentar algo novo? Será que o caminho mais seguro é o que devemos trilhar? 
No fundo, o que nos falta é um pouco de brio. Quem sabe ousadia também. 
Concordo que o Brasil, de forma geral, não vive um bom momento econômico, político e estamos passando por muitas alterações na mentalidade da sociedade. É difícil dar a cara a tapa e sair do comodismo. 
Porém, se não for agora, continuaremos desejando que o próximo momento seja melhor, e ele nunca chegará. Justamente por nossa culpa.

Comentários